Selo Clean & Safe.png

Visite o Planetário - Casa da Ciência de Braga e participe nas atividades!


𝗦𝗲𝗴𝘂𝗻𝗱𝗮 𝗮 𝘀𝗲𝘅𝘁𝗮 às 17h: sessões de planetário imersivo; 𝗦𝗲𝗴𝘂𝗻𝗱𝗮 às 16.30h: "Brincar com o Cubetto"; 𝗧𝗲𝗿𝗰̧𝗮 às 16.30h: “Conhecer o charco”; 𝗤𝘂𝗮𝗿𝘁𝗮 às 16.30h: "Programar com o Micro:bit"; 𝗤𝘂𝗶𝗻𝘁𝗮 às 16.30h: “Brincar com o ozobot”; 𝗦𝗲𝘅𝘁𝗮 às 17h: “Construções e engenhocas” no laboratório DÓING; 𝗦𝗲𝘅𝘁𝗮 às 21:30h: Noite de Quiz; 𝗦𝗮́𝗯𝗮𝗱𝗼 às 10h Sessão de Planetário; às 10:30h Leitura Encenada “Os super poderes dos vegetais”


Os lugares são limitados e a reserva é obrigatória!

Reserve através: 253 695 236 ou 964 351 350

geral@casacienciabraga.org


Custo da entrada no Centro Ciência Viva:

Geral = 4€

Crianças até aos 3 anos = GRÁTIS

Crianças dos 4 aos 17 anos = 3€

Famílias (3 ou 4 participantes) = 8€ (acresce 2€ / participante a mais)

Cartão Circuito Ciência Viva = gratuito para os elementos do cartão





Viu um destes escaravelhos? Procuramos a vaca-loura!

Com as suas enormes pinças, o macho pode atingir oito centímetros. A fêmea é mais pequena. A sua dimensão pode variar entre 2,6 cm e 4,1 cm. A vaca-loura (Lucanus cervus) é assim o maior escaravelho que ocorre em Portugal, e um dos maiores da Europa, está protegido por leis comunitárias, uma vez que se encontra em declínio em toda a Europa.

Em Portugal, o maior número de avistamentos de vaca-loura acontece a noroeste, tendo avistamentos registados na zona de Braga. Esta é uma espécie fundamental no processo de decomposição de madeira morta, promovendo a formação de nutrientes fundamentais para a regeneração da floresta.

O Projecto VACALOURA.pt - A Rede de Embaixadores

O projecto de ciência cidadã - VACALOURA.pt é coordenado pela Associação Bioliving em parceria com a Unidade de Vida Selvagem do Departamento de Biologia da Universidade de Aveiro, com a Sociedade Portuguesa de Entomologia e com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas.

O objetivo deste projeto é compilar e organizar a informação enviada pelos cidadãos sobre a distribuição e estado das populações da Vaca-loura e dos restantes escaravelhos da família Lucanidae em Portugal, de forma a averiguar o estado de conservação desta espécie na sua área de distribuição.

Desde 2016 que os esforços voluntários para melhorar o conhecimento e sensibilizar para a importância desta espécie têm crescido. Em 2019 surge a Rede de Embaixadores que tem vindo a crescer desde então e aumentado o impacto do projeto. O ano de 2020 demonstrou a importância destes embaixadores locais e o impacto desta rede. Mesmo num ano marcado pela pandemia, o projeto conquistou recordes quer de avistamentos das espécies abrangidas, quer de participantes nas atividades do projeto.


Em 2021 são agora 45 entidades e mais de 30 pessoas a título independente, com o principal objetivo de criar e fomentar pontes entre o projeto e as comunidades locais, divulgando o projeto, promovendo a monitorização de espécies a nível local e multiplicando ações de sensibilização ambiental.


O Planetário- Casa da Ciência Centro Ciência Viva de Braga integrou esta rede em 2020 com a mesma missão colaborando com o projeto através da monitorização da espécie e com o desenvolvimento de atividades dedicadas à espécie ao nível da população. Como pode ajudar?

Além de participar nas atividades, pode ainda fazer a diferença neste projeto, bastando para isso tirar uma fotografia ao escaravelho e fazer o registo na plataforma “BioDiversity4All”. Cada registo contribui para aumentar o conhecimento relativo a esta espécie e compreender o seu estado de conservação.


Siga o projeto nas redes sociais e acompanhe as descobertas sobre estes fantásticos insetos!



Atualizado: Jul 9

No verão o Centro Ciência Viva de Braga em parceira com o Pontos de Exclamação preparou um programa especial! 😃🤩


São 2 leituras encenadas por Pontos de Exclamação e uma performance teatral que vão ser realizadas nos jardins do Planetário - Casa da Ciência de Braga (sempre que a meteorologia o permitir).

"Os superpoderes dos vegetais"

Através da história bem-humorada “A Revolta dos Vegetais”, de David Aceituno com ilustrações de Daniel Montero Galán, descobrimos como os vegetais são alimentos ricos em nutrientes, importantes para a saúde, ajudam a colorir o nosso prato e não gostam de ficar esquecidos no frigorífico. Vem explorar a tua imaginação com a ajuda dos vegetais!


"O que dizem as cores"

As cores dos animais e das plantas transmitem informações que os ajudam a sobreviver. O livro “O Dia em que os lápis desistiram”, de Drew Daywalt com ilustrações de Oliver Jeffers, é o ponto de partida para explorar com boa disposição o significado das cores em alguns animais e plantas. Vem descobrir as cores da tua criatividade!


"Olha a Água!"

As boas e as más palavras estão relacionadas com a qualidade da água? Francisca Cadete revela-nos a resposta através do conto “As Fadas” de Charles Perrault, sem esquecer as informações atuais sobre a preservação da água e a relação do ser humano com o plástico. Entre perguntas e respostas, situações inusitadas, literatura, caminhos marítimos e biodiversidade, pequenos e graúdos são convidados a oferecer um copo de água às gerações futuras.


A participação é gratuita e as inscrições são obrigatórias * através do geral@casacienciabraga.org ou pelo telefone 253 695 236.


Todas as medidas de segurança contra a covid-19 estão asseguradas! Saiba mais sobre medidas aqui.


*Custo da entrada no Centro Ciência Viva:

Geral = 4€

Crianças até aos 3 anos = GRÁTIS

Crianças dos 4 aos 17 anos = 3€

Famílias (3 ou 4 participantes) = 8€ (acresce 2€ / participante a mais)

Cartão Circuito Ciência Viva = gratuito para os elementos do cartão



Posts Recentes