A exposição de ilustração científica da natureza "Naturia Secreta" de Luísa Ferreira Nunes reúne 21 ilustrações de coleópteros, conhecidos por insetos-jóia, oriundos de diversos locais do mundo. A designação de insetos-jóia decorre do facto dos seus exoesqueletos (esqueleto externo semelhante a uma “armadura”) se apresentarem brilhantemente coloridos. Ao mesmo tempo as suas texturas que podem produzir um brilho metálico e as rugosidades multifacetadas, projetam a luz e os reflexos como se de uma jóia se tratasse.


Na Oficina Pedagógica "Explorar a Naturia Secreta" poderá aprender mais sobre insetos, nomeadamente o grupo dos coleópteros, observar espécimenes através de lupas digitais e ficar a conhecer melhor a exposição!


A Oficina irá ocorrer nas datas:

  • 3, 10 e 12 de setembro das 10h às 11.30h;

  • 1 e 8 de setembro das 15.30h às 17h.

Para participar com a sua família é necessária a inscrição prévia e obrigatória através do geral@casacienciabraga.org (crianças terão de vir acompanhadas de responsável adulto).

É necessário também o cumprimento de todas as normas adoptadas pelo Centro Ciência Viva de Braga contra a infecção Covid-19 (pode consultar na íntegra aqui).


A atividade tem o custo de:

  • Família 3 ou 4 participantes = 10€ (acresce 3€ / participante a mais)

  • Família 2 participantes = 8€

  • Cartão Circuito Ciência Viva = gratuito para os elementos inscritos

  • Cartão Amigo PCCB = -1€/participante no valor total


A Exposição Naturia Secreta está patente no jardim do Centro Ciência Viva de Braga entre 14 de agosto até 21 de setembro (também pode ser visitada livremente e de forma gratuita durante o horário de funcionamento do Centro, respeitando todas as medidas e regras de segurança).




Os insetos-jóia invadiram o Centro Ciência Viva de Braga!

A exposição de ilustração científica da natureza "Naturia Secreta" de Luísa Ferreira Nunes reúne 21 ilustrações de coleópteros, conhecidos por insetos-jóia, oriundos de diversos locais do mundo. A designação de insetos-jóia decorre do facto dos seus exoesqueletos (esqueleto externo semelhante a uma “armadura”) se apresentarem brilhantemente coloridos. Ao mesmo tempo as suas texturas que podem produzir um brilho metálico e as rugosidades multifacetadas, projetam a luz e os reflexos como se de uma jóia se tratasse.


Pela estética das suas formas, texturas e cores, estes insetos exóticos são muito procurados por colecionadores, estando alguns quase extintos. A procura intensiva destas espécies por parte dos colecionadores levou a que a Wildlife Conservation e a IUCN as considerassem como protegidas.


Pode visitar* a Exposição Naturia Secreta de 14 de agosto até 21 de setembro de forma gratuita, durante o horário de funcionamento do Centro Ciência Viva de Braga respeitando todas as medidas e regras de segurança.


*Não deixe de consultar as medidas em vigor para as visitas ao Centro Ciência Viva de Braga aqui.


A autora Luísa Ferreira Nunes é licenciada em Engenharia Florestal e realizou pós-graduação em Biologia e Biomimetismo, tendo desenvolvido o trabalho de doutoramento em ecologia de insetos. Estudou ilustração, como bolseira, na University of Arts of London, Reino Unido.


Em 2006, Luísa Ferreira Nunes, docente da ESA-IPCB, no âmbito de um programa de mobilidade internacional, esteve no Museu de História Natural de Florença, em Itália, onde um trabalho de entomologia a levou a conhecer coleções em que constavam muitas destas espécies, oriundas de lugares como a Malásia, Bornéu, Costa Rica, Nova Guiné, Tailândia.


É docente na Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Castelo Branco e é membro do Centro de Ecologia Aplicada Prof. Baeta Neves (ISA-UTL).


Não deixe de consultar todas as medidas do Planetário - Casa da Ciência de Braga Centro Ciência Viva para uma visita em segurança!


A lotação máxima do Planetário - Casa da Ciência de Braga foi reduzida de forma a garantir a distância mínima de 1,5m para qualquer outra pessoa que não seja sua coabitante e a presença e circulação dos visitantes no Planetário - Casa da Ciência de Braga seguem as determinações do Governo e das autoridades públicas de saúde.

Considerando as características específicas do Planetário - Casa da Ciência de Braga, enquanto centro interativo de ciência, são instituídas de forma progressiva e dinâmica medidas essenciais à segurança e proteção dos visitantes contra os riscos de contágio.


Para tal é determinado o seguinte:

  • É vedada a entrada de visitantes que apresentem qualquer sintoma ou tenham tido contacto com pessoa com diagnóstico comprovado de Covid-19 até ao final dos 14 dias de quarentena, a contar desde a última data de contacto;

  • A visita será previamente reservada por e-mail ou telefone, com indicação da atividade que pretendem realizar e número de participantes, de modo a assegurar a lotação revista;

  • Os visitantes que não tenham visita marcada poderão ter o acesso condicionado em função da lotação disponível no momento;

  • O uso de máscara é obrigatório;

  • Será efetuado o rastreamento da temperatura à entrada do edifício (sem registo de controlo) sendo impedida a entrada a quem registar temperaturas de igual ou superior a 38ºC;

  • A entrada dos visitantes é realizada obrigatoriamente através do portão principal;

  • A saída dos visitantes é realizada obrigatoriamente pelo portão lateral, de forma a reduzir o fluxo nas entradas e saídas;

  • Os visitantes devem manter uma distância mínima de 2 metros relativamente a outros visitantes que não sejam seus acompanhantes;

  • Será afixada em cada sala, de forma clara e visível, a respectiva lotação bem como as recomendações sobre a sua utilização, nomeadamente a obrigatoriedade de uso de máscara;

  • Em algumas situações e atividades poderá justificar-se o uso de luvas para manipulação dos materiais, sendo disponibilizadas luvas descartáveis durante a atividade;

  • Será feito o reforço da higienização e desinfecção de todos os equipamentos incluindo durante o período de abertura ao público.

O Planetário - Casa da Ciência de Braga Centro Ciência Viva trabalha diariamente para o receber em segurança e continuar o seu objetivo, divulgar e fomentar o gosto pela Ciência!

Posts Recentes
Arquivo
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Instagram
  • Twitter

© 2016 por ORION - Sociedade Científica de Astronomia do Minho

  • Grey Instagram Ícone
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon